Diante da possibilidade de polarização entre Haddad e Bolsonaro, bastidores em Santa Catarina já tratam de encaminhamentos para o segundo turno. No MDB predomina a tese de apoio para o candidato de Lula em troca de votos do PT para Mauro Mariani

26/09/2018 08:03

Diante da possibilidade de polarização entre os candidatos à presidência, Fernando Haddad, do PT e Jair Bolsonaro, do PSL, ganham força especulações nos bastidores políticos estaduais sobre a possibilidade de o MDB de Santa Catarina declarar apoio para o candidato de Lula, Fernando Haddad, no segundo turno eleitoral.

Informação é que conversas neste sentido já aconteceram, e acordo envolveria também o voto do PT  para Mauro Mariani, candidato ao Governo pelo MDB, no segundo turno eleitoral.

Mariani no entanto, deve pronunciar-se sobre o assunto eleições presidenciais somente após o resultado do primeiro turno.

Enviando Comentário Fechar :/