O TRE de Santa Catarina deferiu o registro mas o Ministério Público recorreu ao TSE que em decisão monocrática acatou a tese. José Roberto Martins vai recorrer ao Pleno do TSE
26/09/2018 10:35

Apesar de  o registro do segundo suplente de senador, José Roberto Martins, do PSDB, ter sido aprovado no TRE de Santa Catarina, o Ministério Público Eleitoral recorreu ao TSE, que em decisão monocrática do Ministro Admar Gonzaga indeferiu o registro.

O problema está na data de filiação do candidato ao PSDB, que apesar de ter acontecido no dia 6 de janeiro deste ano , prazo legal para que ele pudesse concorrer nas eleições deste ano, foi apresentada na lista do partido com data diferente.

"Nós temos matérias de jornais e blog a época que comprovam minha filiação no tempo certo e vanos recorrer ao pleno do TSE. Tenho certeza que vamos ter rafificada a decisão do TRE de Santa Catarina deferiu minha candidatura por unanimidade", informou há pouco ao site o candidato.

José Roberto Martins é o segundo suplente de Jorginho Mello, do PR, candidato ao senado na chapa encabeçada por Mauro Mariani, do MDB. A primeira suplente é a viúva de Luiz Henrique da Silveira, Ivete da Silveira.

Enviando Comentário Fechar :/