A Procuradora da Prefeitura de Criciúma, Ana Cristina Youssef, (foto) informou há pouco ao site que foram encaminhados ao Fórum documentos da Secretaria Municipal da Fazenda, do engenheiro elétrico do município e do 9 Batalhão da Polícia Militar.
09/08/2019 19:31

A prefeitura de Criciúma não vai acatar a recomendação do Ministério Público para não contrair empréstimo de R$ 30 milhões para a iluminação pública na cidade. A proposta foi aprovada na Câmara por dez votos a seis mas contestada por vereadores que fizeram denúncia ao MP. Nesta semana, o MP enviou ofício ao Paço Municipal alertando para alguns itens, como “empréstimo oneroso com exigência de rigorosa estimativa de impactos financeiros.

A Procuradora da Prefeitura de Criciúma, Ana Cristina Youssef, informou há pouco ao site que foram encaminhados ao Fórum documentos da Secretaria Municipal da Fazenda, do engenheiro elétrico do município e do 9 Batalhão da Polícia Militar.

“Junto com a documentação informamos que mão vamos acatar a recomendação”, resumiu Ana Cristina Youssef.

LEIA MAIS: Vereadores levam ao MP denúncia sobre empréstimo de R$ 30 milhões

Enviando Comentário Fechar :/