Alckmin apostou no apoio do MDB que recentemente teve seu candidato ao Governo, Mauro Mariani declarando voto no primeiro turno para o candidato de seu partido, Henrique Meirelles
04/10/2018 08:45

No atual cenário político eleitoral em Santa Catarina, a conclusão é que, a julgar pelas pesquisas, Geraldo Alckmin, do PSDB, sai prejudicado.

Alckmin apostou no apoio do MDB que recentemente teve seu candidato ao Governo, Mauro Mariani declarando voto no primeiro turno para o candidato de seu partido, Henrique Meirelles.

Seria coerente, não fosse compromisso assumido com Alckmin por ocasião da formação das chapas. 

O governador Eduardo Moreira está em campanha por Alckmin, com a distribuição inclusive de vídeos com pedido de votos, mas a julgar pela declaração de Mariani, não há consenso no MDB.

Ao mesmo tempo, o PP, que tem a senadora Ana Amélia Lemos como vice de Geraldo Alckmin, a julgar pela declaração de um dos seus maiores líderes do Estado, Esperidião Amin, também não está engajado na campanha do presidenciável em Santa Catarina.Amin declarou ontem, voto para Jair Bolsonaro.

No Sul, o prefeito Joares Ponticelli, do PP, que comanda a cidade de Tubarão, está em campanha por Jair Bolsonaro. Ontem, ele gravou video solicitando voto.

Enviando Comentário Fechar :/