O PSD em tese seria base do governo de Clésio Salvaro, já que tem o vice, Ricardo Fabris mas os vereadores Camila do Nascimento e Salésio Lima emitem sinais de descontentamento. Hoje, eles se ausentaram na votação do nove presidente da Câmara, Tita Belolli
08/01/2020 20:16

O que mais chamou atenção na eleição há pouco do novo presidente da Câmara de Criciúma foi a ausência dos vereadores Salésio Lima e Camila do Nascimento, do PSD. O partido é da base do Governo de Clésio Salvaro e tem o vice-prefeito Ricardo Fabris. O novo presidente da Câmara, vereador Tita Belolli, do MDB, teve apoio do Paço Municipal e voto de todos os vereadores do PSDB, inclusive Júlio Kaminski que apesar de ainda estar no partido faz oposição ao prefeito na Câmara.

O comportamento dos dois vereadores do PSD tem chamado atenção desde o ano passado quando votaram contra alguns projetos enviados pelo Paço Municipal. Os dois abriram o ano emitindo sinais de que não estão em sintonia com o Paço quando também não compareceram a cerimônia de Inauguração do Parque Municipal Prefeito Altair Guidi, que aconteceu na segunda-feira, por ocasião do aniversário da cidade.

Tanto Camila quanto Salésio Lima estavam no início da sessão extraordinária dessa noite, mas retiraram-se na hora da votação junto com o também vereador do PSD, Zairo Casagrande.

A diferença no entanto é que Zairo chegou a ser convidado a se retirar do PSD e por isso poderia não ser mais considerado  da base. Camila e Salésio estã numa situação diferente inclusive pela relação de sintonia  que mantém com líderes estaduais do partido como o deputado Júlio Garcia, presidente da Assembleia Legislativa.

Enviando Comentário Fechar :/