Tramontin, na foto com o ex-prefeito Gentil da Luz, foi presidente do partido por dez anos e estava há 23 filiado. A saída da sigla é conseqüência da disputa recente pelo comando do partido no município
07/11/2019 18:37

As divergências ocasionadas pela disputa ao comando do MDB em Içara já mostram as primeiras consequências. O ex-presidente do partido, Adilton Tramontin, que havia sido indicado como nome de consenso para hastear a bandeira branca na sigla, desfiliou-se hoje do partido. 

 “ Havia duas chapas alinhavadas e numa reunião do partido lideranças como o Gentil da Luz e o vice-prefeito Sandro Miliolli apontaram meu nome como saída para o consenso. No primeiro momento eu não quis mas insistiram, eu acabei aceitando. Quando aceitei, teve um grupo que não aderiu à idéia. Então, eu não me senti mais bem no MDB. Não é mais o partido do qual participei durante muitos anos”, justificou há pouco ao site.

Adilton Tramontin foi presidente do MDB em Içara por dez anos e estava há 23 anos na sigla, única à qual foi filiado.

A disputa pelo MDB em Içara teve como protagonistas  o presidente da Câmara, Rodrigues Mendes, o Sapinho e Fernando Mazzuchetti.Sapinho não inscreveu a chapa alegando que não houve aceitação de Adilton Tramontim como consenso mesmo com acordo firmado.

A informação em Içara é que a rejeição ao nome de Tramontin seria do grupo liderado pelo prefeito de Içara, Murialdo Gastaldon.

LEIA MAIS: Eleição para o comando do MDB em Içara acirra racha no partido

 

Enviando Comentário Fechar :/