Luciane Mortari estará no comando da instituição entre 26 de julho e 1º de agosto, em razão de licença do presidente Rafael Horn e do vice-presidente, Maurício Voos.
23/07/2019 09:28

Secretária-geral adjunta e corregedora do Tribunal de Ética e Disciplina, TED, a advogada de Jaraguá do Sul Luciane Mortari entrará para a história da OAB de Santa Catarina: será a primeira mulher a assumir a presidência da Seccional, instituição que tem 86 anos de atividades.

Ela estará no comando da instituição entre 26 de julho e 1º de agosto, em razão de licença do presidente Rafael Horn e do vice-presidente, Maurício Voos. Ambos se licenciam hoje, quando a presidência da OAB/SC ficará,  com o atual secretário-geral, Eduardo de Mello e Souza, advogado de Florianópolis.

“Encerro este primeiro ciclo de seis meses à frente da instituição com muita satisfação por poder praticar mais este gesto de inovação e inclusividade, prestigiando leais e comprometidos diretores que muito têm nos auxiliado na execução de nosso projeto coletivo de vanguarda e de valorização da advocacia catarinense, e que reflete também o nosso compromisso com a maior participação da mulher na gestão da Seccional”, considera o presidente Rafael Horn.

Alternância na presidência - o primeiro a assumir interinamente a presidência da Seccional será Eduardo Mello. Professor processualista, o advogado estará no cargo entre os dias 24 e 25 de julho, durante o maior evento jurídico do País, o Congresso Brasileiro de Processo Civil, realizado pela OAB/SC em Florianópolis, e que reunirá 3 mil participantes.

No dia 26 de julho, Luciane exercerá a presidência até 1º de agosto. Eduardo Mello volta a assumir o posto nos dias 2, 3 e 4 de agosto, e Rafael Horn e Maurício Voos reassumem a presidência e vice-presidência da OAB/SC, respectivamente, no dia 5 de agosto.

QUEM É LUCIANE MORTARI

Secretária-geral adjunta da OAB/SC e corregedora do Tribunal de Ética e Disciplina, Luciane Mortari é graduada em Direito pela Universidade de Caxias do Sul – RS – UCS e pós-graduada em Direito Processual Civil pela Universidade Católica de Santa Catarina/UNERJ. Sócia da M&M Advocacia e Consultoria, em Jaraguá do Sul, tem experiência na área de Direito, com ênfase no Direito das Famílias e Sucessões, Direito Imobiliário e Penal. Professora universitária e de pós-graduação, é também palestrante e conferencista. Entre as atividades que vem desempenhando em prol da advocacia, destaque para a presidência da Subseção da OAB de Jaraguá do Sul entre 2016 e 2018, presidência da Comissão da Mulher Advogada da OAB/SC (2016 a 2018) e participação no Conselho Penitenciário e Comunitário de Jaraguá do Sul.

QUEM É EDUARDO DE MELLO E SOUZA

Atual secretário-geral da OAB/SC, Eduardo de Mello e Souza é advogado militante há 30 anos. Graduado em Direito pela UERJ e pós-graduado pela UFSC, é professor efetivo de Direito Processual Civil na UFSC há 24 anos e convidado para lecionar nas pós-graduações em Direito Processual nas Universidades CESUSC, UNIVALI, UNISUL, UNOESC, POSITIVO, e UnC. Membro da Comissão de Revisão do Novo Código do Processo Civil e membro honorário da Academia Brasileira de Direito Processual Civil (ABDPC), é também professor efetivo da Escola Superior de Advocacia da OAB/SC e co-autor dos livros “Estudos de Direito Processual Civil” (Editora RT) e “Direito e Processo” (Editora Conceito).

(COM FOTO DE JÚLIA KNABEM)

Enviando Comentário Fechar :/