Em reunião hoje em Balneário Camboriú, o ex-ministro Admar Gonzaga comunicou aos idealizadores do Aliança em Santa Catarina que a orientação do presidente Jair Bolsonaro é que não haja precipitação para participação das eleições deste ano.O movimento de formação e fortalecimento da sigla é o foco
18/01/2020 20:58

Governadora em exercício de Santa Catarina, Daniela Rainehr, comandou hoje junto com o ex-ministro e Secretário Geral Nacional do Aliança, Admar Gonzaga, reunião em prol do novo partido do presidente Jair Bolsonaro.

No encontro, que aconteveu em Balneário Camboriú, Gonzaga comunicou que o Aliança pelo Brasil não deve participar das eleições deste ano. A orientação inclusive do presidente Jair Bolsonaro é que não haja “atropelo”.  O Aliança pelo Brasil ainda está em fase de construção.

" O presidente avalia que não deve haver atropelos", resumiu ao site Lucas Schmitz, ex-vice-presidente do PSL em Criciúma, que participou do evento hoje. Além dele, participaram a advogada Júlia Zanatta e o presidente da Fundação Cultural de Criciúma, Júlio Lopes.

O presidente em ligação através de vídeo falou aos participantes do encontro.

 

Enviando Comentário Fechar :/