Obra deveria ter sido entregue em 2012, depois passou para 2020 e agora 2021. Assunto será abordado na Comissão de Infraestrutura do senado com a presença do Ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes Freitas
09/04/2019 20:34

Na conversa que teve com o Ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes Freitas, o senador Esperidião Amin, do PP de Santa Catarina ressaltou os atrasos das obras do Contorno Viário da Grande Florianópolis, que deveriam ser entregues em fevereiro de 2012. Amin apresentou requerimento na Comissão de Infraestrutura do senado convidando Freitas a falar sobre concessões no país, em especial a da BR-101 em Santa Catarina.

O requerimento foi aprovado e a data será agendada posteriormente. O atraso na obra do Anel de Contorno Viário de Florianópolis causa transtornos cada vez maiores no trânsito para a chega da Florianópolis e municípios vizinhos, ao ponto de liberação do acostamento para tentar amenizar o problema.

Conforme o contrato de concessão, a obra deveria estar concluída em 2012 mas foi adiada para 2020 e depois para 2021. Eis uma situação a ser analisada como “ case”  para contratos de concessões com punições mais severas em caso de descumprimento, como pelo menos a não cobrança do pedágio.

“Estou transformando meu desejo de uma CPI em apresentar um requerimento de convite respeitoso ao ministro como ponto focal: a concessão da BR-101 em Santa Catarina além das demais concessões no país” , declarou o Senador.

Enviando Comentário Fechar :/