Na entrevista que concedeu ao site ela destacou que o vereador Pedrão se destaca mas admitiu que conversas estão em andamento para o projeto a ser estruturado para 2020 e não descartou a possibilidade de ela mesma concorrer
24/11/2019 18:58

A deputada federal Angela Amin já não descarta a possibilidade de concorrer em 2020 a prefeitura de Florianópolis. Na entrevista que concedeu ao site durante sua passagem pelo Sul junto com o deputado estadual João Amin, Angela informou que conversas estão em andamento com o vereador Pedrão, nome colocado como pré-candidato a prefeito da Capital e que a decisão é estruturar o projeto para depois definir nomes.

Sobre Criciúma, a deputada disse esperar que Jorge Boeira assuma a pré-candidatura a prefeito pelo partido.

 Ouve-se muito seu nome como possibilidade para candidatura a prefeita de Florianópolis em 2020. Alguma hipótese de isso acontecer?

Olha Karina, no mundo político a gente não pode dizer não. Sabe que eu tive oito anos de administração, administração com muita dedicação, muito carinho. Quem desponta em termos de trabalho dentro do nosso partido é o vereador Pedrão. Na  última semana fizemos algumas conversas, eu conversei com ele e depois ele conversou com o João Antônio. A nossa ideia é preparar o projeto, independente de nome, e em conjunto buscar aliados, formar chapa de vereadores que é importante, para que nós possamos realmente ter a capacidade de disputar de maneira decente, acho que isso é importante. As conversas estão ocorrendo, eu independente de ser candidata ou não vou estar na rua como sempre fiz em qualquer tipo de situação e em qualquer momento. A decisão do partido é decisão cumprida. Estarei para resgatar a seriedade, a honestidade, que é sem dúvida o chavão principal do processo político com o nosso município. Nós não podemos conviver mais uma vez com a situação que o município hoje vive, de um processo que não é bom para a cidade.

De qualquer forma então, o PP vai ter um candidato a prefeito em Florianópolis...

O PP vai ter um candidato e vai ter a Ângela na rua.

Tivemos na última semana a aprovação da PEC na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados para a prisão após julgamento em Segunda Instância. Há clima para que a matéria passe no plenário?

Entendo que sim. O próprio resultado na Comissão mostrou isso. Foram 50 a 12, eu sou suplente da CCJ, votei. Agora forma-se a Comissão Especial e não tenho nenhum receio que a Câmara mais uma vez vai dar essa resposta à sociedade Brasileira, que espera sem dúvida essa decisão da Casa.

Demora?

Demora porque tem essa Comissão Especial para trabalhar, mas o mais importante foi a tomada de decisão pela Comissão de Constituição e Justiça, porque no início a gente via com certa dificuldade e de repente o processo engrenou e nós naquela instância demos a resposta.

A organização no PP no Estado para as eleições de 2020. Qual o número de candidatos que vocês projetam?

Nossa ideia é ter o maior número possível de candidatos a prefeito e vices e vereadores. Já fizemos algumas reuniões na sede do diretório estadual, fazendo esse mapeamento. Teve inclusive uma reunião no diretório nacional, fazendo o mapeamento dos nomes que estão disponíveis e dos que ainda podem ser buscados para que possamos manter nosso partido que tem prestado serviços aqui, nacionalmente e dentro dos padrões que nós sempre defendemos

O PP teve recentemente como prefeito de Criciúma o Márcio Búrigo. Agora vocês tem um pré-candidato que é o Jorge Boeira mas que ainda não decidiu se assume a missão. A decisão aqui é ter candidato?

A nossa esperança é que o Boeira tome essa decisão e venha prestar serviços a esse município dentro da capacidade de trabalho e da inteligência que ele tem e que o município merece.

Tem alguma possibilidade de o PP estar com Clésio Salvaro no ano que vem?

No primeiro momento é ter o Jorge Boeira como candidato. Se não ocorrer e eu esperto que ocorra, nós temos que buscar outra alternativa. Mas em princípio é com o Boeira como candidato.

Enviando Comentário Fechar :/