O vereador Toninho da Imbralit, do MDB é o relator e o líder do Governo na Câmara, Aldinei Potelecki, do Republicanos, é o secretário da Comissão que vai investigar gestão financeira da Associação de Feminina de Assistência Social de Criciúma
19/11/2019 17:21

A vereadora Camila do Nascimento, do PSD, colocou o nome à disposição para a presidência da CPI da Afasc mas não venceu no voto o vereador Arleu da Silveira, do PSDB. Ele teve além de seu próprio voto,  apoio de Aldinei Potelecki, que é o líder do Governo e do vereador Toninho da Imbralit, do MDB.

Camila levou o voto dela e do vereador Edson nascimento, o Paiol, do PP. À reunião desta tarde não compareceram os vereadores Júlio Colombo, do PSD e Pastor Jair, do PSC, que também fazem parte da Comissão.

Além de Arleu na presidência, ficou determinado como Secretário Aldinei Potelecki e como relator o vereador Toninho da Imbralit, do MDB.

A CPI da Afasc vai apurar a gestão financeira da Associação de Feminina de Assistência Social de Criciúma no período entre janeiro de 2013 até dezembro de 2019. 

Enviando Comentário Fechar :/