O DEM é uma das siglas para a qual o vereador pode migrar para concorrer em majoritária no próximo ano em Criciúma
29/05/2019 06:47

Além do PSL, outro partido em organização para as eleições de 2020 em Criciúma é o DEM, que já tem Executiva Provisória com o comando de Lisiane Tuon, vice Alexandre Costa e secretário Diego Bittencourt, que é suplente de vereador.

O que mais chama atenção no entanto, entre os integrantes da Provisória é Victor Augusto Ribeiro, assessor do vereador Júlio Kaminski.

Na entrevista que concedeu ontem ao site, quando falou sobre a organização do partido, Lisiane Tuon informou que continuam as conversas com o vereador Kaminski, sobre a possibilidade de ele migrar para o DEM, e concorrer em majoritária no próximo ano.

Na agenda que cumpriu em Brasília, o encontro com o deputado federal Daniel Freitas, do PSL, que tomou posse como Presidente da Frente Parlamentar em Defesa do Carvão.

O clima era de sintonia entre PSL e DEM.

Nas conversas que surgiram nos bastidores políticos na última semana sobre as eleições em Criciúma, a tese era sobre a possibilidade de o PSL ter em Criciúma um candidato a prefeito com um vice do DEM.

Enviando Comentário Fechar :/