A Pesquisa do Instituto Paraná, publicada hoje pela NSC aponta o prefeito de Criciúma com 64,7% das intenções de voto. Nenhum dos outros candidatos à prefeitura de Criciúma atingiu dois dígitos
19/10/2020 08:34

Segunda- feira amanheceu agitada na política de Criciuma com a divulgação de pesquisa pela NSC, onde o prefeito Clésio Salvaro, candidato à reeleição pelo PSDB, consolida sua liderança na disputa eleitoral deste ano. Ele aparece com 64,7% das intenções de voto. O segundo colocado é Aníbal Dario, do MDB, com. 5,7%, ou seja, entre todos os que concorrem com Salvaro, nenhum alcançou ainda os dois dígitos quando se trata da pesquisa realizada pelo Instituto Paraná, entre os dias 15 e 17 de outubro.

Quando a pesquisa foi para as ruas, a propaganda eleitoral no Rádio e na TV estava no ar há mais de quinze dias, o que indica que o horário eleitoral gratuito pouco mudou o cenário.

A candidata do PL, advogada Júlia Zanatta, aparece em terceiro na pesquisa com 4,1%, seguida de Cosme Manique Barreto, do Podemos, com 3,8%, Chico Balthazar, do PT, com 3,6% e O deputado Rodrigo Minotto, do PDT, com 2,8%, além de Éderson da Silva, do PSTU, com 0,7%.

Mais dois pontos em especial chamam atenção na pesquisa: a rejeição de Júlia Zanatta e o desempenho de Minotto, deputado de segundo mandato.

Com o mote de campanha ficado no presidente Jair Bolsonaro, a candidata do PL tem 34,9% de rejeição, ou seja, quase a mesma do candidato do PT, Francisco Balthazar, que aparece com 34,8%.

Paradoxo interessante quando se lembra que bolsonaristas e petistas são pólos antagônicos e principalmente pela aposta de Júlia Zanatta na população de Criciuma por ter o presidente Jair Bolsonaro levado muitos votos na cidade em 2018.

A rejeição do prefeito Clésio Salvaro é 14,1% . A margem de erro da pesquisa é de 4% para mais ou menos.

 

Enviando Comentário Fechar :/