Associados da Coopera, de Forquilhinha, entraram na justiça para que o curso, obrigatório para que se passa concorrer à presidência, seja oferecido aos que pretendem formar chapa para concorrer no próximo ano.
18/11/2019 08:34

Associados da Coopera, de Forquilhinha, entraram na justiça para que o curso, obrigatório para que se passa concorrer à presidência, seja oferecido aos que pretendem formar chapa para concorrer no próximo ano.

A principal alegação é que além de a exigência do curso ter sido acrescentado ao Estatuto pela atual gestão, a divulgação foi precária e vagas limitadas. Houve tentativa de conciliação, mas a Coopera não mandou representante.

Com isso, foi elaborado agravo ao Tribunal de Justiça solicitando liminar para que haja a possibilidade de formação de outra chapa. A inscrição para a eleição sequer está oficializada e a disputa já está na justiça. 

Enviando Comentário Fechar :/