A fala da deputada Paulinha durante votação do processo de impeachment do Governador Moisés, do PSL e da vice, Daniel Reinhr rendeu nota oficial do PDT, partido da deputada, no fim de semana
21/09/2020 07:54

A fala da deputada Paulinha durante votação do processo de impeachment do Governador Moisés, do PSL e da vice, Daniel Reinhr rendeu nota oficial do PDT, partido da deputada, no fim de semana. O motivo é que em sua manifestação, rebuscada de emoção duvidosa, ela falou em nome do partido. Na nota, o presidente estadual da sigla, Manoel Dias enfatizou que a deputada “ não está autorizada e nem legitimada a falar em nome do partido”.

Na nota do PDT, o presidente estadual da sigla, Manoel Dias lembrou ainda que a deputada responde processo disciplinar na comissão de ética Nacional  do Partido por assumir sem discussão e autorização do PDT a liderança deste governo de Carlos Moisés.

 “ Nosso partido não participa, nem comunga com as ações deste governo. Todos os esclarecimentos e investigação dos fatos dos quais este governo está envolvido têm que ser apurados e que, caso comprovado os maus feitos - todos sem exceção, diz um trecho da nota.

CONFIRA NA INTEGRA:

O Partido Democrático Trabalhista esclarece a população de Santa Catarina que na sessão da Assembleia Legislativa do Estado ocorrida em 17 de setembro de 2020, foi aprovado o andamento do processo de impeachment do Governador Carlos Moisés.


A deputada Paulinha, no uso da tribuna, falou em nome do PDT. Esclarecemos que a referida deputada responde processo disciplinar na comissão de ética Nacional do Partido por assumir sem discussão e autorização do PDT a liderança deste governo.


Ressaltamos que a deputada não está autorizada e nem legitimada a falar em nome do Partido Democrático Trabalhista, uma vez que nosso partido não participa, nem comunga com as ações deste governo.


Todos os esclarecimentos e investigação dos fatos dos quais este governo está envolvido têm que ser apurados e que, caso comprovado os maus feitos - todos sem exceção - sejam punidos com o devido rigor da lei.

Enviando Comentário Fechar :/