Alerta de possibilidade de surto foi feito nesta semana pela deputada Ada de Luca, do MDB. No posto, médicos e enfermeiros entram no ritmo de carnaval
20/02/2020 13:18

A deputada Estadual Ada de Luca utilizou nesta semana a Tribuna da Assembleia para alertar sobre possível Surto de sarampo durante o carnaval e fez alerta para que o máximo de pessoas procurem os postos de vacinação.

Em Criciúma, no Posto de Saúde da Primeira Linha, os atendentes encontraram uma fórmula para atrair pacientes para a vacinação. A equipe, sob o comando do médico Dr Matio e a enfermeira Juliana, trabalha fantasiada, em ritmo de carnaval. 

  Em seu discurso, a deputada Ada de Luca, do MDB,  informou que uma pessoa com sarampo pode transmitir a doença, em média de 12 a 18 pessoas que nunca tenham sido expostas ao vírus anteriormente ou que não tenham se vacinado. “Não precisamos ser matemáticos para ver que os números de casos podem sim se alastrar a ponto de a doença se tornar uma epidemia, ainda mais em época de carnaval, onde as pessoas se reúnem em multidões”, alertou a parlamentar. 

 Em 2019 foram quase 300 casos de sarampo. Neste ano já foram registrados 47 casos. Só na última semana, em Florianópolis, foram registrados 12 novos casos de sarampo. “A única maneira de prevenir o sarampo é através da vacinação, por isso venho fazer o alerta e pedir ajuda de todos os parlamentares para o máximo de pessoas procurarem a vacinação”, concluiu. 

 Pessoas com idade entre 15 e 49 anos precisam tomar o reforço. O sarampo em Santa Catarina não aparecia desde 2000. Houve um caso em 2001, dois em 2003, quatro em 2005 e um em 2013, porém de pessoas vindo de outros países. 

Enviando Comentário Fechar :/