Senador garantiu que não havia recebido nenhum telefonema do presidente e que não havia nenhuma conversa marcada.Disse inclusive que só viajaria a Brasília na noite de ontem.

09/04/2019 09:23

Conversei com o senador Esperidião Amin, do PP, na noite de domingo e o questionei sobre a possibilidade de ser ministro da Educação no Governo do presidente Jair Bolsonaro, do PSL.

Ele garantiu que não havia recebido nenhum telefonema do presidente e que não havia nenhuma conversa marcada.Disse inclusive que só viajaria a Brasília na noite de ontem. Ainda na manhã de ontem, o presidente anunciou a exoneração de Ricardo Vélez e como novo ministro da educação o economista Abraham Weintraub.

Em Tubarão, já se comemortava apossibilidade de Esperidião Amin ser ministro principalmente pelo fato de Geraldo Althoff ser o suplente e nesse caso, assumir vaga no senado, o que não se concretizou.

 

Enviando Comentário Fechar :/