Deic concluiu Inquérito e indiciou ex-assessor de comunicação no caso de divulgação de matéria falsa que apontava projeto de "licença surf", de autoria de Amin. À polícia, o assessor negou as acusações
15/03/2019 09:14

O Inquérito Policial concluído pela DEIC, Diretoria Estadual de Investigação Criminal, sobre alteração de projeto de Lei do deputado João Amin, do PP, e ampla divulgação em redes sociais, indiciou o ex-assessor de comunicação do deputado Valdir Cobalchin, do MDB, a época dos fatos, 2018, por difamação e falsificação de documento público. A divulgação falsa falava em projeto de "licença surf",de autoria do deputado.

Foi realizada sindicância interna na Assembleia Legislativa, e encaminhada à Polícia Civil, onde havia sido registrado Boletim de Ocorrência.As apurações levaram a uma ação de busca e apreensão no gabinete de Cobalchini, que era o líder do Governo.

À polícia, o assessor negou as acusações.

 

 

Enviando Comentário Fechar :/