Líderes do partido no município definiram o dia 6 de janeiro como data limite para apresentação de nominata completa para o pleito eleitoral de 2020. Eles já contam com o vereador Ademir Honorato fora do MDB
10/09/2019 09:03

O futuro  presidente do MDB de Criciúma, Jefferson Rodrigo Duzzioni, o Rodrigo Ganso e os três vereadores que garantem ficar no partido pelo menos até o pleito eleitoral desse ano, anunciaram ontem o dia 6 de janeiro como data limite a apresentação de nominata completa de pré-candidatos a vereador para o pleito eleitoral de 2020.

Depois disso, a intenção é que haja um nome para a disputa a prefeito da cidade. Hoje, o nome ratificado pelos líderes do partido é o do advogado Jefferson Monteiro.

Rodrigo Ganso e os vereadores percorreram ontem os principais meios de comunicação da cidade para apresentar o projeto de reestruturação da sigla na cidade, que passa também pelo gabinete dos deputados Ada de Luca e Luiz Fernando Cardoso, o Vampiro, além da participação de prefeitos da região como Murialdo Gastaldon, de Içara e Helio Cesa, o Alemão, de Siderópolis.

Ao site, enfatizaram a meta de eleição de quatro a cinco vereadores nas eleições do próximo ano. 

Tanto o comando local do MDB quanto os vereadores do partido já não contam mais com o vereador Ademir Honorato na sigla. Honorato manifestou vontade de migrar ao PSL e líderes do MDB definiram por liberá-lo sem a perda de mandato.

Enviando Comentário Fechar :/