Vereador pretende comunicar ao senador Esperidião Amin esta semana em Brasília, que está decidido a comandar o partido na cidade

08/04/2019 08:35

Apesar de ainda não ter recebido a carta de renúncia do presidente do PP de Criciúma, Itamar da Silva, o vereador Miri Dagostin, que é o vice-presidente, está decidido a comandar a sigla. Disse ontem à coluna do jornal DN e ao site que se preciso bate chapa e até abre mão de concorrer nas eleições de 2020 em nome da “organização” do PP de Criciúma.

Miri pretende comunicar o fato ao senador Esperidião Amin em audiência em Brasília nesta quarta-feira.

Deve viajar a Capital Federal com o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro. (foto)

 

Enviando Comentário Fechar :/