Ex-deputado Vânio de Oliveira solicitou licença da secretaria do partido após discussão na reunião da Executiva nesta noite.
03/12/2019 22:42

Secretário Geral do MDB de Criciúma, o ex-deputado Vânio de Oliveira pediu licença não só da secretaria mas do diretório do partido. O motivo foi a animosidade criada na reunião da Executiva com a crítica de Oliveira ao fato de o MDB ter colocado a “digital na CPI da Afasc”.

“O vereador Ademir tentou junto com outros integrantes do Legislativo fazer uma CPI para investigar a Afasc e não conseguiu por dois votos, Daí o prefeito monta uma CPI no Paço e o Toninho coloca a digital dele. Eu não concordo com isso, critiquei o fato de colocarem a digiral na chapa branca e disseram que estou atrapalhando. Eu não tenho mais idade para atrapalhar ninguém, então prefiro me retirar”, disse há pouco ao site o ex-deputado.

Vânio de Oliveira avaliou que a bancada do MDB está atrelada ao Paço Municipal e por isso, não há ambiente para discussão sobre construção do partido. “ Eu não sei o que o prefeito fez que eu não consigo cortar esse cordão umbilical dele com a bancada”, comentou.

Oliveira já comunicou seu pedido de licença ao presidente estadual da sigla, deputado federal Celso Maldaner.

Enviando Comentário Fechar :/