Leia também: Criciúma é case de sucesso no combate à pandemia de Covid-19,
19/09/2021 16:37

Covid-19: Criciúma tem menos casos ativos em SC

Dados do último boletim da Vigilância Epidemiológica Estadual, apontaram Criciúma com 56 casos ativos para Covid-19, o primeiro menor entre as grandes cidades catarinenses, com mais de 200 mil habitantes.

Proporcionalmente à população, o número de casos ativos em Criciúma é significativo já que registra-se um caso a cada 3880 habitantes. Joinville, o município mais populoso do Estado registra um caso a cada 1090 habitantes. Entre os municípios com populaçào entre 100 e 200 mil habitentaes, Criciúma aparece em segundo já que Jaraguá do Sul tem 44 casos ativos de Covid-19.

Joinville, tem 557 casos ativos, Florianópolis 549, São José tem 262, Chapecó 266 e Itajaí 201. Até o momento Criciúma já aplicou 243.272 doses de vacina contra Covid-19, sendo 151.570 primeira dose, 84.523 segunda dose e 7.179 dose única.

 Sucesso

Criciúma é case de sucesso no combate à pandemia de Covid-19, com a montagem de um Centro de Retaguarda no Rio Maina, com internações de pacientes com a doença e que funcionou também como centro de Reabilitação no pós-covid. Após o período crítico, o hospital fechou a ala de internações e o Governo de Criciúma trabalha junto co governo do estado para mantê-lo como hospital para atendimento à população na cidade. A ala de reabilitação permanece em funcionamento.


Pagou por quase dez

O município de Içara entrou com Ação na Justiça para ressarcir valores supostamente pagos a mais na compra de mais de mil máscaras utilizadas para o combate ao coronavírus. Ocorre que o município pagou R$ 26,90 reais por c ada máscara enquanto  Joinville adquiriu o mesmo tipo de máscara pelo preço unitário de R$2,99 e Criciúma por R$ 3,05. A recomendação foi feita pela 2ª Promotoria de Justiça da Comarca de Içara após apurar, em inquérito civil, que o Município de Içara adquiriu as máscaras por um valor maior do que outras cidades catarinenses.  

 O que diz a Promotoria

De acordo com o Promotor de Justiça Fernando Rodrigues Menezes Júnior, a documentação encaminhada pelo Município atesta que não houve ato ímprobo - uma vez que todos os trâmites legais para compra pelo ente público foram cumpridos. Mesmo assim, o Ministério Público aponta evidências que a empresa que vendeu o produto teria se aproveitado da crise sanitária e financeira desencadeada pela pandemia para praticar preço supostamente abusivo no contrato firmado com Içara.

 Sintonia

A sintonia entre lideranças do PP e do PSDB em Criciúma foi mais uma vez confirmada na formatura de Vitor Dagostin, filho do vereador Miri Dagostin, durante o fim de semana. Vitor concluiu o curso de medicina pela Unesc e compareceram para comemorar o prefeito interino de Criciúma, Arleu da Silveira, o Secretário da Fazenda, Celito Cardoso e o da Saúde, Acélio Casagrande, do PSDB. Além de Miri Dagostin, que representa o PP no Paço Municipal já que é secretário de educação, progressistas foram representados pelos pré-candidatos a deputado federal, Valmir Comin e estadual, Pepê Collaço, que é de Tubarão mas tem o time em Criciúma capitaneado por Miri Dagostin.

 O cenário

Pepê Collaço é pré-candidato a deputado estadual com apoio maciço do prefeito de Tubarão Joares Ponticelli. A dobradinha por lá é com o atual vice-prefeito, Caio Tokarski, que recentemente se filiou ao PL. Na região, Valmir Comin deve também ter apoio de Ponticelli, que havia confirmado presença na formatura do filho de Miri Dagostin mas não  pode comparecer devido a imprevisto.

 PT na área

Reunião do PT ampliada do diretório do PT de Criciúma durante o fim de semana apontou os nomes que estão no cenário para concorrer a deputado estadual e federal nas eleições de 2022. O ex-candidato a prefeito de Criciúma, Chico Balthazar, Daniel Loch, de Içara e Pedro Brunel são pré-candidatos a deputado federal. Júlio Bittencourt que foi vice do Chico no último pleito e o vereador de Forquilhinha, Célio Elias colocaram o nome para concorrer a deputado federal.

 

 Crise em Forquilhinha

O prefeito de Forquilhinha, José Cláudio Gonçalves, do PSD, enfrentou na última semana a primeira crise em seu governo. Trabalhadores de oito postos de saúde protestaram em frente a prefeitura da cidade depois de serem informados que haveria mudanças nos locais de trabalho. Em razão do ocorrido, o prefeito concederá entrevista coletiva nesta segunda-feira às 15 horas sobre a situação.

 

A esquerda

A vereadora Giovana Mondardo, do PCdo B de Criciúma continua trabalhando sua pré-candidatura a deputada estadual. na útlima semana, ela esteve em Florianópolis em reunião com os vereadores da capital, Carla Ayres , do PT  e Marquito, do PSol. Na pauta, bandeiras como mulheres, população LGBTQIA+ e outros assuntos. Giovana Mondardo é a sgeunda vereadora mais votada de Criciúma e continua na mesma linha de atuação, com foco em ideías de esquerda, sua principal base. 

Crise em Forquilhinha; PP e PSDB em Sintonia na região; Máscaras compradas por Içara tem preço quase dez vezes maior que Criciúma; Os pré-candidatos do PT

 

 

 

 

Enviando Comentário Fechar :/