Os presidentes do TJ, Rodrigo Collaço, do TC, Adircélio de Moraes Ferreira Júnior e da Assembleia Legislativa, Júlio Garcia, do PSD, informaram ontem ao Governador Carlos Moisés, do PSL, a destinação ao Poder Executivo, de R$ 118 milhões, resultado de economia nas instituições.
08/08/2019 09:50

Outra queda de braço que o governador Moisés perdeu recentemente foi quanto a redução do repasse aos poderes. A redução do percentual foi rejeitada pelos deputados mas há possibilidade de voltar a discussão no próximo ano.

Enquanto isso, os poderes anunciam economia e devolução de mais de R$ 100 milhões ao Executivo, sendo R$ 37 milhões em dispensa de repasses.

Os presidentes do Tribunal de Justiça, Rodrigo Collaço de Contas, Adircélio de Moraes Ferreira Júnior e da Assembleia Legislativa, Júlio Garcia, do PSD, informaram ontem ao Governador Carlos Moisés a destinação ao Poder Executivo, de R$ 118 milhões, resultado de economia nas instituições.

A destinação se dará ainda neste mês através de uma parcela de R$81 milhões em dinheiro ao Tesouro do Estado e o restante, cerca de R$ 37 milhões, em dispensa de repasses.

Enviando Comentário Fechar :/