Ao ser questionada pelo site se teria intenção de compor em majoritária em 2022, a deputada estadual Ada de Luca não descartou nenhuma possibilidade. Disse pode compor em majoritária, ser candidata a deputada federal ou mesmo voltar à estadual.
15/02/2020 09:24

Ao ser questionada pelo site se teria intenção de compor em majoritária em 2022, a deputada estadual Ada de Luca não descartou nenhuma possibilidade. Disse pode compor em majoritária, ser candidata a deputada federal ou mesmo voltar à estadual, a depender da necessidade do partido. Histórica do MDB, ela defende também que o partido tenha candidato a prefeito em Criciúma e aponta o nome do médico Aníbal Dário como possível para a missão.

Recentemente teve episódio envolvendo o MDB com relação a liderança do Governo. Havia um ensaio para que o deputado Vampiro assumisse e depois falou-se em Valdir Cobalchini. Sua posição foi contrária. Por que?

Me posicionei contrária porque parto da premissa que fazer parte do governo não quer dizer uma liderança. Nada pessoal. Estava cogitado o deputado Vampiro, depois o deputado Cobalchini. Eu fui contra os dois porque não se trata do nome deles mas do meu partido que estaria indo para o Governo sem ter uma aliança formal.

A sra avalia que o MDB seria prejudicado se fizesse parte do Governo, como partido?

Claro, eu sou muito partidária entende? E a política eu sempre comparo a uma roda gigante. Uma hora tu estás em cima na outra embaixo. E as pessoas precisam saber que quando se está embaixo, é preciso lutar para estar em cima. Mas com posicionamento, com dignidade e de cabeça erguida. Eu penso que nós temos que dar governabilidade ao Governador Moisés, mas isso não quer dizer fazer parte do Governo, porque estamos dando a governabilidade nas ações que são em prol do nosso povo.

Para 2022, o MDB terá um projeto próprio? A sra defende isso?

Defendo.

Existem nomes para isso?

Acho que ainda é muito cedo para formatar nomes porque as vezes um nome que seria bom, de grande valia para o partido, pode ser queimado quando há muita antecipação. Mas eu defendo e vou defender sempre, como lá em Criciúma também eu defendo.

Defende que o MDB tenha candidato a prefeito em Criciúma?

Que tenha candidatura própria sim. Porque nós não podemos ser imediatistas. Ah mas ninguém vai ganhar do Salvaro... Não interessa, se não ganharmos, vamos marcar posição.

E qual nome a sra avalia que possa ser esse candidato do MDB?

Olha estão falando muito no médico, Dr Aníbal. Eu tenho conversado muito com ele por telefone e na próxima semana quero dar um pulo a Criciúma para ter uma conversa pessoalmente.

A sra falou que o MDB deve ter um projeto para 2022 e não quis antecipar nomes porque considera cedo. A sra tem alguma intenção de majoritária?

Olha eu sou uma soldada do partido. Se precisar ir para majoritária eu vou, se precisar ir pra federal eu vou , se precisar voltar para estadual eu volto...o meu nome hoje com essa cota das mulheres ele é obrigado a estar em algum lugar. Só mesmo se eu desistir da vida pública. E da vida pública eu acho que só saio quando estiver dentro do caixão.

Qual o tratamento que a sra recebe hoje do Governo Moisés?

Do governador Moisés, como pessoa, como ser humano eu não tenho nada a reclamar dele. Até porque ele trabalhou mais de um ano comigo. Só que eu respeito. Ele é hoje um governador e tudo na vida tem que ter uma hierarquia. Mas eu canso de marcar audiência com alguns secretários que na véspera me ligam. Ou é problema de saúde, ou viagem, ou reunião de conselho. Enfim, eu não consegui ter uma audiência ainda.

A sra nunca foi atendida?

Já. Fui atendida pelo da educação e uma pelo da Casa Civil, o Douglas Borba. Mas eu fui recebida. Atendida não. E depois já pedi várias audiências também, e as audiências foram literalmente descartadas. Sou política há mais de 40 anos e sei quando é um descarte e quando é real.

Votação da Reforma da Previdência da Assembleia...

Nós estamos em um impasse. Vamos ter reunião de bancada para todo mundo fechar uma questão. Não foi decidido nada ainda. É uma Reforma necessária mas ao mesmo tempo quem tem que pegá-la não pega, e ela pega quem não tem que pegar e vai por aí.

 

Enviando Comentário Fechar :/