No julgamento ontem de um dos recursos especiais referentes a cassação de vereadores em Sombrio, o TSE negou seguimento e revogou o efeito suspensivo concedido na época pelo presidente do TRE/SC.
09/10/2019 09:18

No julgamento ontem de um dos recursos especiais referentes a cassação de vereadores em Sombrio, o TSE negou seguimento e revogou o efeito suspensivo concedido na época pelo presidente do TRE/SC, e determinando a imediata comunicação ao TRE/SC e a zona eleitoral de Sombrio para cumprimento do acórdão. 

 A consequência é a anulação dos votos de uma das coligações proporcionais e nesse momento cassar o mandato do vereador Fabiano Pinho do PSDB. A ação que envolve os vereadores eleitos pelo MDB deve ser julgada nos próximos dias, com previsão de resultado semelhante.

A acusação é de fraude na cota de gênero. O julgamento de ontem foi monocrático.

LEIA MAIS:TRE concede efeito suspensivo no caso da cassação dos vereadores em Sombrio

 

 

 

Enviando Comentário Fechar :/